Pastor da Missão convida protestantes a entrar na Igreja

por Lucas Rezende

img-20150805-wa0019Simonton Araújo, pastor da Missão Praia da Costa, comemorou seu aniversário na Igreja dia desses com a presença do polêmico Silas Malafaia. Como era de se esperar, um coletivo em favor de minorias protestou com cartazes na frente do tempo contra o posicionamento de Malafaia em relação aos homossexuais. Eis que Simonton resolveu fazer um convite, digamos, desafiador: “se domingo quiserem fazer o mesmo [protesto] durante cinco minutos no culto, depois de ouvirem a mensagem, eu paro tudo, dou a oportunidade e, desde que, depois eu possa abraçá-los”. Mensagem dada.

Prepotência
Aliás, o pastor Silas Malafaia tirou onda do protesto de um coletivo em favor a minorias em frente ao tempo. “Mais de 5 mil pessoas em três auditórios, fora a rua. Apareceram 20 ativistas gays para protestarem…”, debochou.

A rainha de bateria Lorena Bragatto e a Velha Guarda da Unidos de Jucutuquara em recente ensaio na quadra da Coruja (Foto: Reprodução)
A rainha de bateria Lorena Bragatto e a Velha Guarda da Unidos de Jucutuquara em recente ensaio na quadra da Coruja (Foto: Reprodução)

Enquanto isso na urbe maravilha…
Para você, caro leitor, ver como são as coisas. Enquanto em Vitória o UBER – aplicativo opcional ao uso tradicional dos táxis – nem teve a chance de chegar por votação da Câmara de Vereadores, no Rio de Janeiro é tipo Deus na terra. Dia desses, amigo da coluna estava jantando em Ipanema quando um casal outra mesa pediu um UBER. O motorista chegou, desceu do veículo e abriu a porta (!!!) para os passageiros. Resultado? O restô inteiro começou a gritar: “UBER! UBER! UBER!”.

Tatame
Novidade quente da sétima arte: o ator Stênio Garcia vai interpretar Hélio Gracie, responsável pela difusão do jiu-jitsu no Brasil, no filme “A última luta”. A direção do longa ficará a cargo de Ulysses Cruz, o mesmo da novela “Eterna Magia”.